Ensino Médio

Ao entrar no ensino médio, o adolescente é convidado pela sociedade a tomar decisões pessoais e profissionais, gerando uma enorme ansiedade e em alguns casos, trazendo uma série de angústias. A educação passa a ser uma oportunidade central para prepará-lo para essa etapa, transformando todo o seu potencial em possibilidades.

Nesse sentido, ajudamos os alunos a buscar informações, a refletir e a trocar ideias com o grupo, repensando tanto as suas escolhas pessoais em um processo de autoconhecimento, quanto as possíveis escolhas profissionais, tornando o processo de decisão mais consciente.

Através de 3 perguntas, o LIV convida os alunos e alunas a olharem com curiosidade e empatia, sem esquecer do olhar crítico e investigativo, para si
mesmo, para as pessoas e para o mundo. As aulas de LIV do ensino médio foram pensadas e construídas a partir da escuta da demanda
dos jovens dessa faixa etária, no sentido de acolher suas principais angústias e fragilidades, bem como potencializar suas habilidades e capacidade de agir.

No relatório de Jaques Delors, organizado pela Unesco em 2015 sobre adolescência e educação, um dos principais pontos é a colocação da pessoa no centro dos processos de desenvolvimento. Com isso, o LIV traça o objetivo de ajudar o jovem na compreensão de que: eles são responsáveis por suas escolhas; toda escolha tem consequências; mesmo a não escolha é também uma escolha.

No primeiro ano, “Como eu estou?” tem como base teórica a mentalidade de crescimento, desenvolvida por Carol Dweck. Partimos da premissa que somos seres em constante transformação. Nos temas trabalhados ao longo do ano, estimulamos a reflexão acerca das inevitáveis mudanças e quais as possibilidades de protagonismo em cada uma dessas esferas.

No segundo ano, com “O que me move?”, os alunos são provocados a pensar sobre como são feitas as escolhas pessoais e profissionais da nossa vida:

A grande questão no terceiro ano é “Para onde vou?”. Nesse projeto, percorremos todas as temáticas por meio de uma dupla abordagem – individual e coletiva – garantindo, assim, um aprofundamento reflexivo sobre os processos atuais e futuros de cada um, bem como uma despedida acolhedora do grupo. O material ainda oferece instrumentos práticos e acessíveis para os momentos de urgências próprios dessa época da vida, como técnicas de gestão de tempo e estratégias de manejo de ansiedade.

Trabalhamos também nos três anos com um material focado na família e enviamos para os alunos uma edição da Revista Rumos, conteúdo feito pelo LIV para ampliar debates com os alunos dessa faixa etária.

Saiba mais